A humildade e a paz

Written By Comun Divinus Prov on domingo, 3 de maio de 2015 | 12:48

Do livro “Imitação de Cristo”:
Não te preocupes muito em saber quem é por ti ou contra ti; mas deseja e procura que Deus te ajude em tudo que fizestes.
Tem boa consciência e Deus será tua boa defesa.
A quem Deus quiser ajudar, nenhum mal poderá prejudicar.
Se souberes calar e sofrer, verás certamente o auxílio do Senhor.
Ele sabe o tempo e o modo de te libertar; portanto, entrega-te a ele inteiramente.
A Deus pertence aliviar-nos e tirar-nos de toda confusão
Às vezes é muito útil, para guardar maior humildade, que os outros conheçam e repreendam nosso defeitos.
Quando o homem, por causa de seus defeitos, se humilhar, então facilmente acalma os outros, e desarma os que estão irados contra ele.
O humilde, Deus protege e livra; ao humilde ama e consola. Ao homem humilde se inclina; ao humilde dá-lhe abundantes graças, e depois de seu abaixamento eleva-o a grande honra.
Ao humilde, revela seus segredos, e com doçura o atrai a si e convida.
O humilde, depois de receber uma afronta, conserva sua paz: porque confia em Deus e não no mundo.
Não julgues que fizeste algum progresso se não te consideras inferior a todos.
Primeiro conserva-te em paz; depois poderás pacificar os outros.
O homem pacífico é mais útil do que o letrado.
O homem dominado pelas paixões, até o bem converte em mal e acredita facilmente no mal.
O homem bom e pacífico tudo converte em bem.
Quem está em paz não suspeita mal de ninguém. Mas quem é descontente e inquieto, com diversas suspeitas se atormenta: não tem sossego nem deixa os outros sossegar.
Diz muitas vezes o que não devia; e deixa de fazer o que mais lhe conviria.
Preocupa-se com as obrigações alheias e descuida-se das próprias.
Zela, portanto, primeiro por ti mesmo, e depois poderás zelar devidamente por teu próximo.
Bem sabes desculpar e disfarçar tuas faltas, mas não queres aceitar as desculpas dos outros.
Seria mais justo acusares a ti e desculpares teu irmão. Se queres que te suportem, suporte também o outro.
Serias mais justo acusares a ti e desculpares teu irmão. Se queres que te suportem, suporta também os outros.

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial